No começo do mês, Michelle Pfeiffer provou em seu Instagram que ainda tem habilidades com o chicote, fazendo muitos lembrar de seu incrível papel como a Mulher Gato.

Durante uma entrevista ao Today, depois que mostrou sua nova linha de perfumes; A atriz foi questionada se gostaria de ser a Mulher Gato mais uma vez. Ela respondeu: “Oh, caramba. Isso seria muito incrível. Fiquei muito triste quando acabou, era confortável para mim, e quando eu estava me divertindo, acabou.”

Michelle interpretou a vilã em 92 no filme Batman Returns. No começo seu contrato incluía uma participação na sequência e um filme solo da personagem; Mas quando Joel Schumacher assumiu a direção, a franquia do Batman mudou de rumo, e a personagem foi afastada da sequência.

O filme solo até aconteceu porem estrelado por Halle Berry, mas o filme não tinha a menor conexão com o universo do morcego.

O histórico da Mulher gato nas telas

A primeira atriz que deu vida a vilã foi Julie Newmar na série de TV do Batman nos anos 60. Porem após três temporadas a atriz foi substituída por Eartha Kitt, que irritava os fãs com seu ronronar super sensual, além disso muitos a achavam exagerada.

A série dos anos 60 fez tanto sucesso que ganhou um filme, onde a personagem foi vivida por Lee Meriwether.

Em 92 tivemos a icônica e imortal versão da Michelle Pfeiffer, apesar de ter uma origem um pouco diferente. Esta versão da Selina ainda é a favorita de muitos fãs.

No primeiro episódio de aves de rapina em 2002, houve uma pequena aparição da gata, interpretada por Maggie Baird.

Em 2004 finalmente ela ganhou um filme solo, mas interpretada por Halle Berry. Sem conexão com o universo Batman; A personagem ganhou uma nova identidade e uma nova origem, mas o filme não foi bem recebido pela crítica e fãs da gata.

No último filme do Batman da franquia de Nolan em 2012, a Mulher Gato retornou interpretada dessa vez por Anne Hathaway. Seu visual é inspirado na Mulher Gato dos anos 60, porém o termo “mulher gato” não é usado no filme; Sendo ela apenas a “Selina Kyle” entretanto, em alguns momentos se referem a ela como gata ou gatuna.

E em 2014 na série Gotham, Selina ganhou uma versão mais jovem interpretada dessa vez por Camren Bicondova.